terça-feira, 25 de outubro de 2016

As viagens de Gulliver

E acaba de sair da gráfica mais um volume da coleção "Grandes Clássicos para Jovens Leitores" da Editora FTD: 




"As viagens de Gulliver", escrito por Jonathan Swift, traduzido e adaptado por Ronaldo Simões Coelho e, agora, finalmente, com o meu nome na capa.Aplicado nas guardas do projeto gráfico, temos o mapa clássico com trajetória das viagens de Gulliver:





E ao longo da história, e das mil aventuras e visitas de Gulliver a terras estranhas e desconhecidas, algumas ilustrações de página dupla e várias vinhetas e capitulares.
Embarque com as crianças nestas viagens e divirta-se!


62ª Feira do Livro de Porto Alegre


Queridos, é com imensa alegria que me preparo para participar da 62ª Feira do Livro de Porto Alegre!
Este ano participo de várias atividades! :D
Dia 31, às 9h da manhã tem "autor no Palco" no Teatro Carlos Urbim e, à tarde, 14 h, ministrarei a oficina "Eu sei desenhar?", na sala de vídeo do Memorial do Rio Grande do Sul. Ainda no dia 31, 20h, tem a abertura da exposição de ilustrações "Traçando Histórias", da qual participo com uma ilustração do livro "Olelê", Ed. Melhoramentos.


Dia 01, visito a Escola Estadual de Ensino Fundamental Nilo Carlito Koetz, em Parobé, pelo Programa "Lendo pra Valer".
Dia 02, feriado, tem lançamento, às 15h, do meu novo infantil "A casa amarela da rua da madrinha". Espero todos vocês lá!
Dia 03, visito, pelo Programa "Adote um escritor", a EMEI Vale Verde e a EMEI da Ilha da Pintada. :)
Dia 04 visito a E.E.E.Fundamental Itororó, em Guaíba.
Dia 08, às 21h, na Biblioteca Moacyr Scliar. vou mediar a roda de conversa "Leitura e formação de leitores: vamos encarar o desafio?",  com Rogério Andrade Barbosa, Helô Bacichette, Celso Sisto e Penélope Martins, promoção ada AEILIJ - Associação dos Escritores e Ilustradores de Literatura Infantil e Juvenil.
Dia 10, para finalizar, visito a Escola Porto Alegre, pelo projeto "Lendo pra Valer!"
Vai ser intenso! Vai ser lindo! 


quarta-feira, 29 de junho de 2016

Literatura Infantil sem tatibitate


Post atrasado de registro e relato do Ciclo de Palestras que tive a felicidade de ministrar na Biblioteca Popular de Botafogo, em março deste ano de 2016.


Ciclo de Palestras “LITERATURA SEM TATIBITATES” teve como objetivo apresentar um pouco da vida e da obra de importantes autores de literatura nacional que, escrevendo com qualidade, sem subestimar a linguagem e o potencial dos pequenos e jovens leitores, construíram uma obra rica e vasta para todas as idades.

PRIMEIRO ENCONTRO: "Com as raízes no teatro". Quatro autoras de literatura para crianças e jovens que tem como forte característica em sua obra o trabalho para o teatro - Sylvia Orthof, Maria Clara Machado, Lygia Bojunga e Tatiana Belinky.

SEGUNDO ENCONTRO: "Das páginas dos jornais para os livros". Quatro autores que trabalham ou trabalharam e atuaram de maneira marcante no jornalismo nacional e também escreveram importantes obras para crianças e jovens - Marina Colasanti, Ana Maria Machado, Clarice Lispector e Luis Fernando Veríssimo.

TERCEIRO ENCONTRO: "Poesia sem forma nem fórmula". Quatro poetas de estilos bem diversos que escreveram para os jovens leitores - Mario Quintana, José Paulo Paes, Manoel de Barros e Arnaldo Antunes.

QUARTO ENCONTRO: "Das imagens para as letras, caminho de mão dupla". Quatro conhecidos ilustradores, que começaram a carreira trabalhando com imagens e hoje se tornaram reconhecidos escritores de literatura para crianças e jovens - Eva Furnari, Angela Lago, Ziraldo e Ricardo Azevedo.


O Ciclo foi um sucesso e espero poder repeti-lo em outros espaços! 
Obrigada a todos que compareceram e compartilharam saberes e prazeres.

A casa amarela da rua da madrinha


Queridos amigos e leitores, é imensa minha alegria em anunciar o lançamento do meu novo livro. O décimo desta recente carreira de escritora que me traz tantas realizações.
"A casa amarela da rua da madrinha" é um texto que escrevi há alguns anos e que estava na gaveta esperando nascer. O convite veio pela querida editora Renata Nakano, que também trouxe a luz o meu "A velha história do peixinho que morreu afogado"e a publicação sai pela novíssima editora Bazar do Tempo, da também parceira de "peixinho" Ana Cecília Martins.


O texto de "A casa amarela da rua da madrinha" foi tratado e as ilustrações criadas com carinho para trazer mais poesia ao livro 
que trata de um tema delicado.
A menina protagonista da história está de aniversário e seu presente, neste dia especial, é visitar a madrinha que mora muito longe, no meio da cidade grande mas numa rua diferente, com lindas casinhas coloridas. A preferida da menina é a casa amarela: um lugar mágico.



Ela é amarela mas poderia ser azul, rosa, branca, xadrez ou arco-íris.
Ela fica no centro da cidade mas poderia ficar bem distante dela, no alto da montanha ou na beira do mar.

A casa amarela tem quintal grande com árvore, planta, flor e bichos mas, poderia não ter e, mesmo assim, ter muito espaço: para a brincadeira e para a alegria.
A casa amarela é grande mas poderia ser bem pequena, do tamanho de um abraço que dá abrigo, aconchego e proteção.
A casa amarela é um lugar seguro, onde as crianças podem crescer sem frio, sem fome, sem medo. Com amor.
A casa amarela é o lar com que a menina sonha e que
 todas as crianças do mundo merecem ter.



 

quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Gente bem diferente


Ilustrei a nova edição desta divertida história de
narrada em primeira pessoa, pelos irmãos Andreia e Rodrigo. Os dois compartilham suas descobertas sobre a própria família, “gente bem diferente”, mas que parece bem normal. Para os dois, todos têm uma identidade secreta: a avó, uma princesa; o avô, um pirata; a mãe, uma fada e o pai, gênio ou gigante.




Por se tratar da arte de Ana Maria Machado, é claro que além de divertida e poética, a obra chama atenção para as mudanças nos papéis sociais da mulher, do homem e do idoso, além de sugerir a magia e o encanto que podem existir nos pequenos atos do cotidiano.Para ilustrar o livro, deixei Andreia e Rodrigo fazerem suas "interferências artísticas" sobre as imagens, com muita liberdade. Dando assim uma pitada de magia aos meus desenhos.
Publicação da FTD Editora, 2015

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

"A FAMÍLIA LIVRO"

Dilan Camargo é escritor e poeta de literatura para adultos e crianças, gaúcho de Itaqui e amigo de feiras e eventos literários. 
Este ano foi escolhido o patrono da 61ª Feira do Livro de Porto Alegre e para completar a alegria,  escreveu "A FAMÍLIA LIVRO", uma homenagem ao LIVRO, este objeto mágico e apaixonante, e a nós todos, que nos dedicamos e estamos envolvidos na sua criação, produção e divulgação.


Convidada a ilustrar este texto, me senti acarinhada, acolhida e abraçada pela grande "família livro" a qual pertenço.


"O escritor é um inventor
Combina e junta palavras
faz mágica para o leitor"



"O livro se torna ave
as páginas são suas asas
nelas o leitor viaja".

"A FAMÍLIA LIVRO", com texto de Dilan Camargo e ilustrações de Marilia Pirillo é uma publicação da Editora Cassol.

domingo, 8 de novembro de 2015

Bruxa Merreca e Bruxa Zamya – Brincando com Parlendas


No ano de 2003, eu já era ilustradora e morava em Porto Alegre, onde nasci, quando as Bruxas Merreca e Zamya caíram das suas vassouras bem em cima da minha mesa.
Elas chegaram com tudo e fizeram um rebuliço brincando e aprontando na festa da Bruxa Horrorusca!
Depois, em 2005, resolveram viajar pelo Brasil! Eu viajei também, fui morar no Rio de Janeiro mas continuei ilustrando e escrevendo livros para crianças.
Agora, exatamente 13 anos 
depois, em 31 de outubro de 2015, elas tomaram chá contra sumiço e estão de volta, com suas parlendas!

Eu achei que nunca mais as veria, nem as desenharia, mas, pra falar a verdade, bem que eu estava com saudades da turma, do Motobruxo, do Viralata, dos caldeirões e seus ingredientes mágicos que me fazem dar boas risadas.
E saudades, é claro, do texto divertido da Léia Cassol, a menina do cabelo roxo.:)